ANVISA proíbe venda de clareadores dentais sem prescrição do dentista

 

Adeus dentes brancos sem prescrição de um cirurgião dentista! Pelo menos é o que diz a nova resolução aprovada esta semana pela ANVISA (Agencia Nacional de Vigilância Sanitária) que resolveu ouvir o pedido do Conselho de Odontologia de São Paulo. Segundo o texto publicado no site do CROSP “a partir de agora a venda dos agentes clareadores só poderá ser realizada com prescrição de cirurgiões-dentistas e as embalagens e campanhas dos produtos deverão seguir os termos da resolução”.

Já é mais que batido entre os profissionais da odontologia que o uso sem acompanhamento de clareadores dentais pode gerar problemas no sorriso do paciente, como sensibilidade demasiada, feridas/queimaduras em gengiva, manchamentos de dentes ou restaurações antigas que (por não clarearem) ficam feias e por aí vai. Aquele tal barato que sai caro e causa correria para o consultório para dar um jeito no que deu errado.

moldeira-clareamento-dentalA partir de agora somente profissionais ligados à odontologia (pessoa física ou jurídica) podem adquirir os produtos, que terão em sua embalagem tarja vermelha e a famosa prescrição ‘Venda sob prescrição odontológica’. Os estoques antigos ainda poderão ser comercializados, sem a tal tarja, mas as notas fiscais emitidas precisarão conter o número do conselho de quem está comprando.

Da resolução à prática e fiscalização existe um longo caminho, nós todos sabemos que dar adeus aos dentes brancos a todo e qualquer custo ainda será uma realidade procurada por quem não se importa com a saúde bucal, antes da beleza do sorriso. Tomara que a maioria das pessoas entenda de uma vez por todas que é pelo bem delas!

Dica da Luane e do Lucas – Fonte 1 / Fonte 2

Compartilhe com os amigos

Comentáros

comentários

Fabrício Mendes
Fabrício Mendes
Fundador do Vida de Dentista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *