Clareamento Dental

Riscos do Clareamento Dental

Eu, como dentista, indico bastante o clareamento dental caseiro aos meus pacientes mas deixo bem claro que se trata de um tratamento, com data pra começar e terminar. Também nunca permito que ele leve para casa mais que uma seringa do gel. Ele sabe desde o princípio que quem está no controle sou eu.

Clarear demais tira a naturalidade dos seus dentes

Outro ponto fundamental é explicar ao paciente que a cor natural dos dentes é a amarela. Com tonalidades variantes, mas não deixa de ser amarelo. A dentina, que é o tecido que confere coloração ao dente ainda não foi inventada na cor “branco leite”. Portanto abra o jogo e diga que você fará um clareamento e não um branqueamento dental. Se você conseguir passar isso metade dos problemas e riscos se acabam.

Se você é um dos milhares de adeptos do clareamento dental deve com certeza saber dos riscos que o mau uso, ou uso excessivo do gel clareador podem acarretar certo ??? A maioria decorre do uso excessivo ou errado do gel clareador. Excesso de sensibilidade e inflamações gengivais são os mais comuns.

Pois bem … há então não vacile !!! Se você é paciente, siga as recomendações do seu dentista e se você é dentista, oriente bem seu paciente. Assim todos irão sorrir. E muito !!! 😀

 

Comentários

comentários

Sobre o autor

Fabricio F. Mendes .'.

5 comentários

  • Depois que o pai da paciente me ofereceu um “Equipamento” para clarear os dentes q ele comprou em miami…. Deu medo do futuro da saúde bucal… uso indiscriminado e sem controle dos materiais que deveriam ser vendidos apenas para os cirurgiões-dentista é alarmante.

  • Conheço dentistas que odeiam o clareamento dental, que nem citam, só fazem quando o paciente pede… Devido alguns estudos que indicam que o clareamento pode causar necrose pulpar.
    Eu já procurei saber, mas o q realmente encontrei são estudos sobre a possibilidade de necrose ser devido ao Laser ou LED (nos casos do procedimento no consultório rs), portanto, alguns colegas preferem indicar apenas o caseiro, sendo menos agressivo….
    Apesar de que estão chegando no mercado produtos com Calcio e mais modernos e sofistcados, com ação em 40 minutos e sem necessidade de nenhuma fonte de luz e são tão bons quanto os mais antigos, pq eu já usei =D
    E até conheço histórias de necroses sem causa aparente em pacientes que fizeram clareamento…
    Porém, na minha opinião, qualquer tipo de necrose pulpar ou sensibilidade excessiva, problemas gengivais e etc, acontecem com dentistas que não se preocupam e vão fazendo clareamento em 3468 sessões, em dentes trincados ou restaurações super infiltradas e até com periodontite (pq já peguei paciente assim e optei por não fazer o clareamento). Ou seja, como disse, tanto os pacientes como os dentistas devem saber os riscos que um clareamento pode ter e a expectativa deve ser muito bem trabalhada para que a técnica seja utilizada corretamente e seja satisfatória tanto para o paciente quanto para o dentista ($$$$ *_*) rs

    • Não tenho conhecimento sobre necrose pulpar. Mas acabei de ter o meu dente da frente (elemento 21) condenado pois sofri absorção externa e estou perdendo massa óssea de maneria agressiva. Confirmado após uma tomografia. Terei que me submeter a 1 ano de tratamento ortodôntico para a tração do dente (extração) para que possa ganhar tempo e massa óssea suficiente para realizar um procedimento de implante dentário. Como descobri logo no início após 2 anos do clareamento feito no canal do dente,comprovado após 02 RX peripical realizados a cada ano e com a tomografia. Caso não tivesse descoberto logo não conseguiria nem mesmo realizar o implante, ou seja como o processo todo de perda óssea é indolor. Simplesmente perderia o dente de uma ora pra outra e ficaria sem alternativas de tratamento. Fiquei perplexa pois nunca fui orientada sobre os risco de um clareamento dental realizado em consultório dentário (Laser e gel no canal do dente).

  • […] é mais que batido entre os profissionais da odontologia que o uso sem acompanhamento de clareadores dentais pode gerar problemas no sorriso do paciente, como sensibilidade demasiada, […]

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.