Reciclagem de tubetes de anestésico

0

Era isso e deu!

Hoje, com a invenção das bactérias, vírus e outros infectantes variados, devemos autoclavar os tubetes que bravamente resistem ao processo. Quase não se tinha acesso a tubetes de vidro e, por isso nunca usei, mas mesmo nos dias de hoje não acho interessante que se deixe vidro perto de crianças.

33

Desta forma.

Contudo, se reclamarem que as crianças vão se contaminar com lepra, AIDS, hepatite e outras infecções cruzadas, causadas pelo líquido que sobra na ponta do tubo, não tem problema, removemos o alumínio da ponta. Utilizei um pequeno alicate de corte, disponível em qualquer consultório de respeito.

22

Assim

Agora vamos ao modus operandi: pegue o lápis e enfie no tubete.

1

Pronto :)

Compartilhe essa postagem com seus amigos
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comente

Comentários