Home » Procedimentos » Clareamento Dental » Quando fazemos clareamento, podemos tomar café?

Quando fazemos clareamento, podemos tomar café?

clareamento dental antes e depoisDia desses, minha amiga Karol Stutz me fez uma pergunta que é dúvida de muita gente no consultório também. Então, unindo o útil ao agradável (e fazendo uma simples curiosidade virar post): Quando fazemos clareamento, podemos tomar café?

Antes de responder a esta pergunta, vou explicar como o dente escurece de uma forma bem leiga: os dentes funcionam como um depósito de cálcio para o organismo. Sempre que precisamos de cálcio, este é roubado do dente e supre o organismo. No contrário, o cálcio é devolvido ao dente. Este processo nós chamamos de Desmineralização-Remineralização (ou Des-Re).

Na remineralização tanto cálcio quanto pigmentos presentes na boca (advindos de chá, café, refrigerante, açaí, chocolate, catchup, cigarro etc) acabam entrando nos microporos formados e escurecendo o dente. Durante o clareamento, estas últimas deposições de cálcio e de pigmentos são removidos do dente, promovendo seu branqueamento. Isso tudo falando bem leigamente, hein?!

Voltando à pergunta: quando fazemos clareamento, podemos tomar café? Poder, pode, mas nos dias de aplicação do agente clareador, não fumar ou exagerar no uso de alimentos pigmentados, bem como entre sessões diminuir seu uso ajuda a melhorar o tratamento.

Claro que hoje em dia ninguém consegue se abster de pigmentos, afinal comida industrializada tem deles aos montes. Contudo findado o tratamento e querendo manter por mais tempo o dente livre de manchas é bom sempre que comer ou beber algo mais escuro, escovar os dentes ou ingerir água junto. Ok, esta dica deveria ser para qualquer um, com ou sem clareamento…

Lembrando que a cada um ou dois anos é bom fazer uma manutenção no clareamento, assim dá para tomar um café sem muita culpa!

Sobre: Gisele

Dentista, paulista, filha, esposa, amiga, blogueira apaixonada por velocidade, Odontologia, restaurantes, além de forno e fogão. Ou apenas Gigi, nas horas vagas.
Autor: Gisele

Artigos relacionados