O dentista, o convênio e a paralisação

convênio dentistaEstá previsto para 7 de abril uma paralisação dos dentistas no atendimento de pacientes de convênios pelos profissionais da área de saúde. Entidades como CROSP, CRORJ e até mesmo o CFO tem apoiado o manifesto que, grosso modo, reivindica aumento nos honorários pagos.

Concordo com o Dr. Fabrício que cada um sabe onde o calo aperta e assim deve escolher se vale à pena atender a convênios. Eu optei por atender duas credenciadoras das muitas que me procuraram. Ele não.

Minha bronca com as seguradoras de saúde excedem os honorários. Estes eu aceitei receber, pois ninguém me amarrou, ameaçou minha família ou quaisquer outras mazelas me obrigando a assinar o contrato.  Na verdade, acho desrespeitosa a forma como muitas nos tratam, como se nós devêssemos favores a elas.

Compartilhe essa postagem com seus amigos
  •  
  • 5
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Comente

Comentários

6 comentários em “O dentista, o convênio e a paralisação

  • 21 de março de 2011 em 11:11
    Permalink

    Acho que deveria haver parceria entre os convenios e os dentistas, mas isso não existe na realidade.
    O que vemos é um desrespeito TOTAl a classe dos dentistas, que sofre com glosas e exigências absurdas.
    Precisamos mudar e já!!

    Resposta
  • 21 de março de 2011 em 17:07
    Permalink

    Estou sentindo falta da adesão dos conselhos dos demais estados… Por que a demora em aderir?

    Resposta
  • 21 de março de 2011 em 22:34
    Permalink

    Bom Dra Luciana ;talvez pq nos outros estados ;os dentistas estejam hiper satisfeitos c a esmola dos convenios e por isso nao reclamam aos seus respectivos cro’s(cro ja nao serve p nada e nao faz nada c a gente reclamando;imagina se a gente nao reclama). Ha desculpa serve p cobrar anuidade cara.

    Resposta
  • 2 de abril de 2011 em 00:44
    Permalink

    Após saber da revolta dos médicos em receber de R$25,00 `a ,R$50,00 por consulta a pacientes de convenios ,e nós que recebemos de R$10,00 à R$15,00,é vergonhoso , nossa classe é muito desunida,sindicatos ,entidades de classe , só sabem cobrar anuidade.Será que essa realidade um dia vai mudar? Essa paralização é muito pouco.Acredito que apenas os pobres pacientes vão saber do movimento, temos que sair nas ruas , a sociedade tem que saber que nós dentistas somos verdadeiros escravos , mas com uma diferença,estudamos e investimos muito para tal escravidão, o status acabou.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *